banner
Notícias
Campanha Solidária de Natal

Campanha Solidária de Natal


O dia 25 de dezembro está quase a chegar. 
Enquanto o Pai Natal prepara as renas e carrega o trenó, o espírito natalício invadiu as ruas, as casas e as pessoas. As lojas decoram as montras e enchem as prateleiras numa atração irresistível. O pinheiro de Natal da Avenida inaugura as festividades, as ruas exibem belas iluminações, a época de maior consumo do ano instala-se, apoiando-se nas tradições e desafiando os valores desta quadra. Nas ruas, as pessoas acotovelam-se num frenesim de portuenses e turistas deslumbrados e embrulhados na magia natalícia ao som do calor da música envolvente. All I Want For Christmas is You, de Mariah Cary, ouviu-se na cidade para mais um Natal.

Tudo o que nós queremos para este Natal é PAZ. Que bom seria que de repente os telejornais começassem assim: "É Natal, a Paz desceu à Terra. De lugar nenhum chegaram notícias de guerra, de refugiados retidos em alto-mar, de sem-abrigos gelados nas ruas, da solidão pesada dos velhos, de mulheres assassinadas, de crianças abandonadas, de pessoas exploradas, de qualquer forma de exclusão. E mais, dos hospitais, recebemos novidades sobre curas para todas as doenças e terapias milagrosas para a ausência da dor”. Em casa, enfeitam-se árvores de Natal, preparam-se os presépios, põem-se coroas de azevinho nas portas, velas nas janelas e sobre as mesas toalhas vermelhas e douradas com esplendorosos centros, porcelana fina e copos de cristal. Inalam-se inebriantes aromas.

E, na perfeição imperfeita da quadra natalícia, ultimam-se os presentes que se querem personalizados, pensados, cuidados, selecionados numa ética de cuidado inusual. Mas há sempre os esquecimentos deste ou daquele e para que o ritual da partilha não fique ensombrado lá vão as compras de última hora e seja o que for serve. Das crianças, o Pai Natal encarrega-se, mas só daquelas que lhe enviaram os pedidos. Cabe-nos a nós lembrarmo-nos dos desamparados e surpreendê-los. Como? É fácil. Contribuam para a Campanha Solidária de Natal da Escola para os necessitados da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição do Marquês. Estejam atentos à divulgação da Campanha e colaborem. Façam com que os rostos fechados pelo peso do Natal se rasguem em sorrisos e os corações se aquecem de felicidade ainda que efémera.

Os ECOBE desejam a todos um Santo e Feliz Natal!